sábado, 28 de junho de 2008

Da série discordâncias absurdas

A CPI do Sistema Carcerário averiguou que o Presídio Central de Porto Alegre é o pior do país. Ok. E precisava uma CPI pra tirar essa conclusão?
Os deputados, todos super por dentro dos assuntos prisões, maracutaias e presídios, decidiram indiciar então a Associação dos Defensores Públicos do Estados - entidade que luta há mais de 10 anos para que os presos, colocados em situaçãos desumanas, alojados no Central como ratos em esgotos - tenham uma situação mais digna. Não contentes, indiciaram também o Juiz Criminal da Vara de Execuções Criminais de Porto Alegre, e né, como a diária tava boa, e eles foram bem recebidos com um churrasco bem gordo de ovelha, colocaram nessa lista o Coronel Mendes. Não estou aqui defendendo o truculento Xerife da Yodinha. Mas né? Acredito que um Comandante da Brigada Militar que está há menos de um mês cargo não pode ser o responsável por uma situação que se arrasta por mais de vinte anos.
Os deputados alegam que a ONU coloca como saudável um presídio alojar no máximo 90 presos. Saudável... Saudável seria se eles não dividissem celas com ratos... no mínimo.

Aí, pra confusão geral dos meus neurônios, leio no jornal que a tal da Tolerância Zero ao álcool já efetuou mais de 120 prisões no Estado!
Mas ninguém se pergunta sobre a inconstitucionalidade dessa lei. O Rio Grande do Sul não tem delegacias que alojem esse crime de trânsito. Aliás, o Estado não diferencia presídio de Penitenciária, sendo que Penitenciária só resta a de Charqueadas... Então o que se faz? Se joga tudo no Presídio Central? Alguém que bebeu uma lata de cerveja vai pra mesma cela de alguém que matou doze?

E pra terminar a discordância, quando mes neurônios já estão completamente embriagados por tamanhas e absurdas idiotices, lembro do Detran, dos mais de R$44 milhões que foram roubados, e lembro que ninguém foi preso. Aliás, os diretores do órgão público sentiram-se ofendidos por saírem na capa de Zeluóla algemados! Claro, coitados, eles só desviaram um dinheirinho gente. Não adianta, criminosos somos nós, que trabalhamos a semana toda pra ganhar uma merreca e ainda temos que guardar dinheiro pro táxi na hora da volta pra casa, porque sabe como é que né, cadeia em quem tiver com mais de 0,6 de álcool no sangue.

Lembrei de um outro absurdo... o Promotor do Ministério Público, Gilberto Thums, apresentou um projeto esta semana para que o movimento social MST passe a ser considerado como uma organização criminosa...
É impressão minha ou tá tudo ao contrário???
Se bem que depois dessa: Bafômetro flagra motorista que usou anti-séptico bucal, eu não duvido de mais nada!

beijos eijos eijos pra todos
e não esqueçam, duas latinhas de ceva já dá cadeia hein gente!

4 comentários:

Mire disse...

A viagem é que o cara perde a carteira por 1 ano e ganha 7 pontos. Esses 7 pontos em 1 ano vão caducar, não vão fazer diferença nenhuma, afinal o cara vai estar sem carteira mesmo.
As bizarrices do sistema!
Beijos

Cati Carpes disse...

isso sem falar na multinha de 955 pila

:: Juli - Keep Rocking :: disse...

Pelamordedeus!!!
Até antisséptico bucal???
Olha, fazia tempo que eu não me revoltava taaanto com uma lei como com essa...onde é que já se viu???
Vamos lá, bora, todo mundo pra cadeia mesmo...
E será que ninguém parou para pensar ainda, que não podendo beber, o consumo de OUTRAS substâncias que o maldito do BAFÔMETRO não acusa, pode aumentar tremendamente??
E aí?? Não podemos mais sair de carro...Ok! Vão aumentar a segurança para podermos andar a pé na rua (aqui em Caxias isso é impossível!)?? Vão melhorar o transporte público, para que nossos carros não nos façam tanta falta??
Duvidei...haja grana para tanto táxi!!
Aff!!
Será que para o eterno sempre agora vai ser assim??
Tá, quem sabe então, começamos todos a guardar nossas garrafas pets e vamos morar numa ilha de pet mesmo!! E quem não bebe, não entra!!
Abaixo a Lei Seca!

:: Juli - Keep Rocking :: disse...
Este comentário foi removido pelo autor.